Nove verdade absolutas

Meu exemplar do “How to climb 5.12” chegou essa semana, e já estou lendo-o vorazmente. E apesar de algumas das coisas que eu tenho lido nele de certa forma eu já conhecesse, ainda assim é um “eye-opener”. Estou agora lendo a parte sobre treinamento de força, e daqui a pouco começo a ler sobre planejamento do treino. Quando terminar o livro, escreverei um review sobre ele, pra quem tiver com vontade de comprar mas ainda tá na dúvida. Mas pra quem ainda não faz idéia do que fala o livro, vou deixar aqui apenas uma amostra, as nove verdades absolutas sobre escalada e dicas de treino, que são as bases na qual o livro se desenvolve:

1. O melhor treinamento de habilidades de escalada (técnicas e táticas) é escalar!

Sempre privilegie escalar como treinamento em vez de exercícios não específicos – como aqueles numa academia – e tempo gasto em outros esportes.

2. Habilidades de escalada são específicas ao tipo de rocha, ângulo e aderência.

Viaje e escale no mais diferentes tipos de rochas quanto possível para expandir seu repertório de movimentos. Isso irá colocar você numa marcha rápida para o oitavo grau.

3. Treinamento de técnica gera um retorno de investimento de tempo muito melhor do que treinamento físico, exceto para escaladores de elite.

Favoreça treinamento de técnica em vez de treinos de força numa proporção de 3 pra 1. A exceção é um escalador de elite, que se beneficiará mais de uma proporção de 1 para 2 do tempo de  treino de técnica e treino de força.

4. Condicionamento geral é o mais efetivo tipo de treino físico para escaladores iniciantes.

Escaladores iniciantes devem se dedicar unicamente a treinos de condicionamento geral. Evite treinos específicos da escalada durante os primeiros meses até um ano.

5. Treinamento específicos para a escalada é o modo mais efetivo de treino físico para escaladores avançados.

Escaladores avançados devem planejar e executar um plano inteligente de treinamento específico de escalada para quebrar as barreiras e alcançar graus mais altos.

6. Treino de força trabalha a resistência, mas treino de resistência não trabalha a força máxima.

Foque em treinos específicos de força máxima em vez de treinos de resitência. Escalar umas duas vezes por semana vai naturalmente aumentar sua resistência.

7. Energia e tempo desperdiçados estão perdidos para sempre.

Trabalhe uma apurada percepção da energia e do tempo desperdiçados, seja no muro ou na rocha. Aperfeiçoar suas habilidades técnicas e mentais vai lhe trazer uma aparente força maior, como resultado da melhoria na economia de movimentos e a diminuição do gasto de energia por escalar tenso.

8. Seu corpo não pode ir onde sua mente não foi primeiro.

Pratique a visualização diariamente, numa variedade de atividades. Na escalada, use a visualização quando estiver trabalhando novos movimentos, antes de cada escalada, competição e até mesmo treinando. Isso melhora o aprendizado e a probabilidade de um resultado bem sucedido.

9. Treinar e escalar promove um estímulo, mas não o crescimento muscular em si. Recomposição e aumento de força acontecem somente durante o sono e nos dias de descanso.

Valorize os descansos e a qualidade da sua dieta tanto quanto você valoriza os treinos e a escalada. Aumente a quantidade descanso em proporção à intensidade do seus treinos e escaladas.

Facebook Comments