Primeiro 9º grau cearense?

Eu sou partidário da teoria que o nível da escalada de determinado lugar é proporcional ao nível das vias que ele possui. Aqui no Ceará durante muito tempo a via mais difícil e mais desejada era um 7c. O que fez, eu acho, a maioria dos escaladores cearenses ficarem presos abaixo do 8º grau. Os primeiros escaladores cearenses a escalarem acima desse patamar o fizeram quando foram morar fora, caso do Júlio Pimentel e do André Braga, hoje escaladores de 9º grau.

Mas de uns tempos pra cá o negócio tem começado a mudar de figura por aqui. E eu considero que dois fatores foram determinantes: primeiro a exploração da Pedra Vermelha, setor bem negativo que possibilitou novas vias de grau mais alto; e segundo, a contribuição do alemão Malte Seithuemmer, que morou aqui durante um ano, e motivou a galera  a escalar cada vez mais forte e a abrir algumas vias tendendo ao nono.

Algumas das vias que começaram a surgir que chegaram perto, foram a  Borboleta no Rêgo 8b, a Centopéia 8b/c, ambas na Pedra Vermelha, a Favo de Mel 8c (?) em Tejuçuoca, ainda sem cadena , e entrando na casa do nono, talvez mais alto ainda, ficam a Todynho e a Evil Chicken From Hell.  E parece que esse mês, a Evil Chicken From Hell pode acabar recebendo sua primeira, ou primeiras cadenas.

O André está por Fortaleza, e foi ontem comigo e o Daniel até a Pedra Vermelha, e deu 2 pegas na via. Achou realmente a via bem forte, e acha que pelo menos 9a a via é. Mas essa semana, um amigo dele, também escalador na casa do 9º desembarca por aqui, e deve tentar a via também. Queria eu estar lá pra documentar as tentativas e a provável cadena, mas vai ser durante a semana, então…mas creio que no final da semana devo noticiar aqui a primeira cadena de 9º grau no estado do Ceará, o que eu espero, eleve a motivação da galera pra continuar evoluindo.

Facebook Comments