Tommy Caldwell e Alex Honnold batem recorde de resistência no Yosemite

Os escaladores americanos Tommy Caldwell e Alex Honnold completaram no último final de semana uma verdadeira maratona de escalada. Os dois escalaram em livre e em pouco mais de 21 horas as 3 principais formações do Parque Nacional de Yosemite na California.

A dupla começou a jornada escalando a face sul do Monte Watkins, uma via de 19 cordadas, a maioria na casa do sexto grau, mas com duas cordadas de oitavo e duas de nono. Os dois completaram a via em 2 horas e 40 minutos sem nenhuma queda. Em seguida eles seguiram para o El Capitan, onde escalaram a clássica Free Rider, um monstro de 37 cordadas na casa do nono grau, progredindo durante a noite e completando a via com um total de 6 horas e 15 minutos. Depois de mais uma pausa para reabastecer o estômago, os dois encararam a perna final do feito épico, a face noroeste do Half Dome, 24 cordadas de oitavo grau, alcançando o topo em 5 horas de escalada. Caldwell e Honnold disseram que escalaram as aproximadamente  70 cordadas em simultâneo, revezando quem guiava, com cada um guiando aproximadamente a metade do trajeto.

Tommy Caldwell em 2010 fazendo a vista a face sul do Monte Watkins.

Dean Potter já havia escalado o Watkins, o El Cap e  o Half Dome em apenas um dia em 2001, mas na ocasião Potter progrediu em artificial em alguns trechos. Caldwell e Honnold são os primeiros a completar essa verdadeira maratona de escalada completamente em livre. Aja braço!

Fonte: Climbing.com

Facebook Comments