Campeonato Brasileiro de Dificuldade e Panamericano Juvenil

Esse final de semana foi de competições no Brasil e na América do Sul. Em Belo Horizonte rolou a etapa única do Campeonato Brasileiro e Mineiro de Dificuldade, enquando em Santiago no Chile aconteceu o Panamericano Juvenil, que contou com a participação de dois brasileiros.

Campeonato Brasileiro e Mineiro

O Campeonato Brasileiro de Dificuldade foi organizado pela academia Rokaz, e contou com a participação de alguns dos melhores escaladores nacionais. Infelizmente dois grandes nomes ficaram de fora, no caso o paulista Felipe Camargo, campeão brasileiro de boulder e o brasiliense Pedro Raphael, vice-campeão brasileiro de boulder, que estava acompanhando o atleta brasileiro Samuel Heusi no Pan.

Mas mesmo com as ausências a competição parece ter sido bem disputada, com Cesar Grosso levando a melhor no master masculino e Janine Cardoso no feminino. No Mineiro, quem ficou com o primeiro foi o escalador Gustavo Veiga no masculino, e  Maíra Vilas Boas no feminino.

Confiram abaixo o vídeo com Cesar Grosso na via da final, cotada em 9c!

Campeonato Brasileiro de Dificuldade 2012

Masculino

1. Cesar Grosso (SP)

2. Gustavo Veiga (MG)

3. Juan Ouriques (MG)

4. Eduardo Barão (MG)

5. Eduardo Sorriso (SC)

Feminino

1. Janine Cardoso (SP)

2. Thais Makino (SP)

3. Maíra Vilas Boas (MG)

4. Anna Shaw (SP)

5. Fernanda Sarchetto (MG)

Campeonato Mineiro

Masculino

1. Gustavo Veiga

2. Juan Ouriques

3. Eduardo Barão

4. Yan Kalapothakis

5. Tomaz Hamdan

Feminino

1. Maíra Vilas Boas

2. Fernanda Sarchetto

3. Roberta Resende

4. Patrícia Antunes

5. Renata Tavares

Panamericano Juvenil de Escalada

E enquanto isso no Chile dois brasileiros representavam muito bem o Brasil na competição, que contou com atletas da Colômbia, México, Canadá, Chile, Equador e Venezuela e que foi obviamente dominada pelos americanos, que vieram com a maior delegação do evento.

O paulista Vitor Miyazaki representou o Brasil na categoria Juvenil B, em todas as modalidades. Vitor se classificou para as semifinais tanto na Dificuldade quanto no Boulder, mas ficando de fora das finais.  Na Velocidade Vitor ficou ainda nas qualificatórias, fazendo o tempo de 28s. Mas levando em conta que ele nunca havia competido na modalidade e que com certeza não teve condições de treinar em um muro oficial, o resultado foi muito bom.

Já o brasiliense Samuel Heusi foi muito bem na sua primeira participação em uma competição oficial IFSC. Competindo apenas no Boulder, sua especialidade, Samuel conseguiu ficar entre os 6 finalistas da categoria Juvenil A, se classificando em terceiro na semifinal. O podium não veio, mas a sexta colocação final ainda foi um grande resultado.

E esse final de semana encerrou a temporada de competições no Brasil. A expectativa é que ano que vem tenhamos um calendário mais extenso e cada vez mais organizado, alavancando ainda mais o esporte no Brasil!

 

Facebook Comments