Dean Potter morre em acidente de Base Jump

Ontem à noite a comunidade de escalada foi pega de surpresa com uma notícia muito triste. Mais um grande nome da escalada mundial se vai muito cedo, e dessa vez foi Dean Potter.

dean1

Ainda não se tem detalhes sobre o que pode ter acontecido, tudo que se sabe é que Dean Potter, e um parceiro de Base Jump, morreram ao fazer um salto ontem em Yosemite.

Dean Potter tinha 43 anos, e era um dos maiores nomes da escalada em rocha mundial, e um atleta destacado também no highline e no base jump. Dean foi por várias vezes o detentor do recorde de velocidade da The Nose, ao lado do escalador Timmy O’Neil e do também falecido, Sean Leary, e ficou marcado também por várias escaladas em solo, como o El Capitan e o Half Dome em um dia.

Ao iniciar a prática do Base Jump, Dean enxergou a possibilidade de unir a modalidade com a escalada e elevar o nível do solo, criando o que ele batizou de Free Base, uma escalada em solo usando um paraquedas.

Mas a vida de Dean também foi marcada de polêmicas, como a escalada do Delicate Arch em Utah, que causou a perda da maioria dos seus patrocinadores na época, e acabou levando também à sua separação da escaladora Steph Davis.

É uma pena que mais um grande escalador tenha que ir tão cedo. Mas todos sabemos que figuras como Dean Potter e tantos outros, vivem no limite, e na verdade sabem que a morte pode estar logo ali. Mas a vontade de chegar cada vez mais perto do limite quase sempre os leva um pouco além. Pelo menos Dean se foi fazendo o que mais amava, o que colocava mais perto de algo maior.

Descanse em paz, Dean Potter!

Fonte: Climbing Magazine

Facebook Comments