Dani Andrada encadena a Chilam Balam 12b

O “animal” Dani Andrada, do alto dos seu 40 anos, encadenou nesse final de semana a via Chilam Balam, em Villanueva de Rosario na Espanha. A via foi aberta por Bernabé Fernandez, e durante anos ficou sem uma repetição. A cadena de Dani Andrada é a terceira repetição da via, que teve o FA feito por Bernabé Fernandez em 2003, que sugeriu o polêmico grau de 12c (9b+ fr).  Em 2011 foi a vez de Adam Ondra encadenar a via, e confirmar uma dificuldade próxima da de Bernabé, sugerindo o grau de 12b “fácil” (se é que isso existe). Esse ano Seb Bouin também conseguiu a cadena, que por sua vez achou a via mais pra um 12a/b.

Dani Andrada na Chilam Balam
Dani Andrada na Chilam Balam

Dani Andrada estava trabalhando a via junto com o escalador espanhol Edu Marin, e conseguiu a cadena depois de pouco mais de um mês de tentativas, deixando praticamente tudo de lado para tentar a via, incluindo a inauguração do ginásio de escalada do amigo Chris Sharma em Barcelona. Dani já havia estado em maio, mas as altas temperaturas o fizeram desistir e retornar agora no final do ano. Para Dani, Chilam Balam é “uma das vias mais bonitas que ele já escalei, umas das melhores do mundo.

Dani Andrada já havia flertado com o grau de 12b antes, com o misto de via e boulder da Ali Hulk Sit Down Extension, também encadenada por Magnus Midtböe. Para Dani, Ali Hulk ainda é mais difícil que a Chilam Balam, o que parece confirmar a sugestão de Seb Bouin, deixando a via mais para 12a do que 12b, mas ainda uma das mais duras do mundo com certeza!

Fonte: Desnível

Facebook Comments